Despedida

um último adeus

“O passado não reconhece o seu lugar: está sempre presente.”
Mário Quintana

Escalou a plataforma mais alta para relembrar os dias de glória. Ao chegar ao topo, fechou os olhos, respirou fundo e lançou o corpo ao vazio. Executou uma pirueta elegante e finalizou o salto com um movimento perfeito, entrando de cabeça no fundo da piscina vazia. Dessa vez, ninguém aplaudiu.

 

Related Posts with Thumbnails